domingo, 2 de fevereiro de 2014

O presente... com Harry Styles part-2

-Você tinha razão Hazza...ele me decepcionou muito nessa noite...
-O que aconteceu anjo? O que ele fez de tão horrível assim ??
-Aquele canalha estava me traindo o tempo todo, mas não foi só uma traição qualquer, ele engravidou a menina e ela teve a cara de pau de ir naquela boate e falar tudo na minha cara, falar que eu era uma corna e que não sabia como dominar um homem e que eu já tinha sido deixada para trás a muito tempo e...aiiii como tá doendo aqui dentro- ela falou aquilo já deixando muitas lágrimas rolarem por aquela pele macia e eu sem pensar duas vezes a abracei o mais forte possível
diarios de um vampiro elena chorando gif
-Ai meu anjo como eu tenho vontade de socar a cara daquele babaca, ele não tinha o direito de fazer isso com você, você sempre demonstrou tanto amor por ele e ele retribuindo do jeito mais sujo possível, você não merece chorar, uma garota assim como você, tão especial, tão alegre, te ver chorar é como se eu tivesse tomado uma facada, claro que agora uma facada doeria menos...
-Ai Harry, você não sabe como eu queria ter te abraçado naquela boate, você foi a única pessoa que me passou pela cabeça de ir atrás, de conversar, o único homem que posso contar para tudo, foi você que eu pensei, mas eu tava tão fraca tão perdida que eu apenas chorei e bebi para ver se passava aquele mal estar mas só piorou, e foi nessa rua, a rua da sua casa que você me encontrou, só de olhar em meu olho você notou meu pedido de socorro e me atendeu- nesse momento eu já estava de joelho ao seu lado a olhando, ela já estava um pouco mais calma,estávamos muito perto, perto demais mas não me mexi apenas ouvi atentamente suas palavras- agradeço a deus por ele ter colocado você no meu caminho, de ter colocado você como meu melhor amigo, um irmão quase, obrigada por tudo cupcake- ela olhava para baixo e nem notou que eu estava de frente para ela, praticamente por cima dela, quando ela se deu conta nossos rostos estavam praticamente colados e eu apenas sussurrei
-Eu te amo e faria qualquer coisa por você meu anjo- falando isso ainda olhando para seus lábios rosados eu fui me aproximando devagar até finalmente encostar nossas bocas formando um beijo suave

   Depois de ter dado um beijo, fazendo ambos perder o fôlego, nos separamos rapidamente, respirando fundo e eu me afastando dela me levantando da cama e me encostando na porta, respirei fundo e falei ainda olhando para baixo, sem ver ela :
-Desculpa s/n foi sem querer não queria ter feito isso,bom, querer eu queria mas não podia, não fique brava comigo e...- quando me virei não acreditei na cena que eu vi, s/n tinha tirado a blusa que ela tava, estava só com sua calcinha e ajoelhada na cama, seus cabelos longos tampavam seus seios já visivelmente empinados e aquela cena me deixou um tanto quanto exitado e espantado, ela fez tudo isso sem eu notar nada e quando eu ameacei abrir a boca ela falou
-Não falei nada Hazza, hoje ainda é meu aniversário, me de um presente que ninguém nunca me deu, me faça lembrar dessa noite para o resto de minha vida, me faça esquecer tudo que presenciei essa noite, faça isso por mim, por favor Hazza...
   Eu fui andando depressa até ela, a peguei no colo e a deitei na cama ficando por cima dela, dando chupões em seu pescoço sem exitar


   Ela passava suas mãos delicadas pelas minhas costas, arranhando-as a cada chupada mais forte que ficaria a marca no dia seguinte, meus joelhos me sustentavam na cama, deixando minhas mãos livres para explorar seu corpo... e que corpo, com curvas perfeitas, uma pele macia, sua barriga lisa e definida, ao mesmo tempo que ela tinha o corpo de uma jovem de 15 anos ela tinha o corpo de uma mulher de 25 e aquilo me exitava cada vez mais...
   Ela notou minha hesitação, eu rebolava em cima dela, já não estava mais aguentando ficar só ali, entre beijos e chupões, eu precisava de mais e ela pelo visto também já que ela me empurrou para o lado, e foi para cima de mim, sentando em meu quadril, ela beijava meu tórax enquanto abaixava minha boxer a retirando rapidamente, ela me olhou com olhos sapecas e começou a me exitar, e eu também retribuí na hora aquele carinho, comecei a exitá-la, retirando sua calcinha e começando com os movimentos com meus dedos dentro dela, a fazendo gemer, acelerando hora sim e hora não.
   Seus movimentos eram contínuos, não mudavam, mas me levavam ao paraíso só com o leve roçar de deus dedos em meu membro e consequentemente me fazendo gemer cada vez mais alto e sendo calado por seus lábios convictos encostando nos meus, praticamente me devorando...
   Depois de um tempo dela me torturando eu senti que estava quase chegando no clímax e então falei/gemi:
-s/n...pa...pare eu es...estou qua...quase chega...chegando lá- e foi naquele momento que ela parou, olhou para mim e falou
-Sua carteira ainda tem aquelas camisinhas ?
-Sim, pega uma
   Ela saiu de cima de mim empinando sua bunda redonda me fazendo surtar, ela pegou rapidamente as colocando em mim e sussurrando
-Me leve ao paraíso como nenhum outro homem me levou...
-Pode deixar, você nunca mais vai se esquecer...
   Ela estava sentada entre minhas pernas, então a peguei pela cintura e a sentei literalmente em cima do meu membro, a penetrando imediatamente, seu corpo se inclinou para trás me dando uma visão da frente inesquecível, comecei com alguns movimentos mais acelerados a fazendo praticamente quicar em cima de mim
 
   Sua cintura rebolava em cima de mim, suas mãos no meu ombro, o suor escorrendo pelo seu corpo, suas caretas quando eu a penetrava mais profundamente, mesmo achando isso impossível, seus beijos ardentes quando sua vontade era gemer o mais alto possível, aquilo para mim já estava ficando insuportável, eu já não aguentava e pela cara da s/n ela também já estava chegando ao seu limite e com mais algumas estocadas, acabei chegando ao clímax, gemendo alto seu nome, não deu alguns segundos e o corpo de s/n já estava estendido sobre o meu, todo suado, sua respiração arfante e seu coração acelerado
   Minha mente rodava e eu tentava me estabilizar, eu e s/n tínhamos acabado de transar, isso era um sonho se tornando realidade, a menina com a qual sempre tive só como amizade, hoje estava estendida sobre mim, arfando e totalmente exposta para o meu deleite, a minha disposição, só minha, quando eu pensei em falar algo ela se adiantou:
-Hazza com certeza essa noite será sempre lembrada por mim, obrigado por ter me dado o melhor presente de todos...
-Magina meu anjo, eu devo te agradecer também por você ter me dado essa chance de te mostrar que sou o cara certo para você, que eu posso te amar mais do que qualquer homem já te amou, que você é minha daqui em diante, só minha- falei procurando suas mãos para entrelaçar nossos dedos, não quero ser muito reparador mas sua mão se encaixam na minha como se fosse feita só para mim...

   Naquele momento ela se aconchegou melhor nos meus braços, se cobrindo com o lençol e por último eu sussurrei em seu ouvido:
-Feliz aniversário e eu te amo meu anjo...
-Eu também te amo cupcake- eu lhe dei um beijo no topo da cabeça, abracei pela cintura e acabamos adormecendo ali, juntos, ela sendo minha e eu sendo dela, para sempre...

FIM...

OI LINDAS, POSTADO O SEGUNDO E ÚLTIMO CAPÍTULO DO IMAGINE COM O HARRY, ESPERO QUE TENHAM GOSTADO E COM 4 COMENTÁRIOS EU POSTO OUTRO IMAGINE... OBG E ATÉ O PRÓXIMO POST :)
#Naty

2 comentários: