quarta-feira, 3 de julho de 2013

Texto (#Mah)

  Gente, já vou avisando aqui que esse texto não tem nada a ver com famosos, imagines, one shots ou fics. Mas sim, com uma coisa minha. Se não se importarem eu postarei coisas assim de vez em quando. Espero que não me achem depressiva, até!



          Então eu me vi, caindo lá de cima. O chão se aproximava rápido e eu sabia, eu sabia que aquele era meu fim, sabia que nunca mais olharia no fundo de seus olhos, sabia que nunca mais sentiria seu perfume amadeirado, sabia também que nunca mais ouviria sua voz me elogiando enquanto acariciava meu rosto me fazendo corar, mas principalmente, eu sabia que nunca mais sentiria sua boca carnuda e quente apertando a minha desde os selinhos mais calmos até os mais urgentes.
           Enquanto eu caia, todos os sentidos do meu corpo sumiram. A unica coisa que eu sentia era medo, saudades e curiosidade. Medo, pois estava prestes a encontrar a morte. Saudades, pois enquanto eu caia eu lembrava de cada segundo da minha vida aos mínimos detalhes. Por ultimo curiosidade, isso mesmo. Eu estava curiosa para saber de quem eram aquelas mãos que haviam me empurrado com força o suficiente para meu corpo mesmo que sem vontade se inclinasse para frente e despencar.
          Foi ai que eu juntei todas as minhas forças para mover meus músculos já paralisados pelo panico para ver, mesmo sendo a metros de distancia, o responsável pela minha morte. E assim o fiz, me movi. Quase que ao mesmo tempo senti a forte pancada seguida pela dor que o choque me proporcionara. Senti minha cabeça arder, meus ouvidos taparem e minha visão petrificada em meu assassino, embaçar.
          Então era isso? A pessoa em que eu mais confiava havia acabado com a minha vida? Até que a tão esperada escuridão chegou, os barulhos não passavam de leves sopros e o liquido quente e avermelhado começou a jorrar com violência de minha cabeça.



  Espero que tenham gostado! Estava inspirada nesse dia... Bjss e até a proxima #Mah

2 comentários: